.news

Keep in moovement

Campanha criada pela Moove para a Assembleia Legislativa gera R$ 15,5 milhões ao Funcriança e ao Fundo do Idoso

A campanha Valores que Ficam, que incentiva a doação de parte do Imposto de Renda devido por pessoas físicas ao Fundo da Criança e do Adolescente (Funcriança) e ao Fundo da Pessoa Idosa, registrou o incremento de 12,2% nas doações em relação a 2019, o que representa R$ 3,15 milhões a mais neste ano.

Pelo segundo ano consecutivo, a campanha desenvolvida pela Moove para a Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul registrou resultado positivo com aumento expressivo de doações.

Os dados foram apresentados na tarde desta quinta-feira (9) pelo presidente da Assembleia, Ernani Polo (PP), ao lado do superintendente-adjunto da Receita Federal no Rio Grande do Sul, Ademir Gomes de Oliveira, e das estrelas da campanha, Jair Kobe, o Guri de Uruguaiana, e o músico Renato Borghetti.

Uma mudança importante na campanha deste ano em relação à de 2019 é que, pela primeira vez, a destinação de recursos foi aberta também para o Fundo do Idoso. No ano passado, a campanha trabalhou exclusivamente com doações ao Funcriança.

Conforme a Superintendência da Receita Federal – 10ª Região Fiscal, as doações neste ano somaram R$ 15,577 milhões contra R$ 13,891 milhões no ano passado. Estes recursos beneficiarão cerca de 300 Fundos da Criança e do Adolescente e 78 Fundos para a Pessoa Idosa existentes em todo o Rio Grande do Sul.

“O resultado da mobilização foi bastante positivo, especialmente, se levarmos em conta o momento difícil em que ela aconteceu. É uma luta de todos para que as instituições tenham melhor estrutura e capacidade de atender quem mais precisa, oferecendo um acolhimento melhor”, apontou o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Ernani Polo (PP).

Valores que Ficam

A campanha Valores que Ficam incentiva os contribuintes gaúchos que têm imposto a pagar, no modelo completo de declaração, a destinar até 3% para os Fundos dos Direitos da Criança e do Adolescente e outros 3% para os Fundos da Pessoa Idosa, deixando o recurso circular no Estado.

Neste ano, a campanha contou com cerca de 10% apenas da verba destinada em 2019, e o foco foi trabalhar com mídias digitais, redes sociais e anúncios em jornais. Apesar da redução na publicidade e também da pandemia do coronavírus, houve aumento significativo nas doações.

A campanha de 2020, assim como no ano anterior, foi protagonizada pelo músico Renato Borghetti e pelo humorista Jair Kobe, o Guri de Uruguaiana, que não cobraram cachê.

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Assembleia Legislativa RS (@assembleiars) em

Parceiros da campanha

A campanha conta com apoio, também, do Conselho Regional de Contabilidade, do Sindicato das Empresas de Serviços Contábeis e de diversas entidades que atuam em favor de crianças, adolescentes e idosos.

Ficha Técnica

Head de Relacionamento e Negócios: Luana Rodrigues
Atendimento: Bárbara Pufal e Jamile Melo
Head de Criação: Laura de Azevedo
Redação: Letícia Coutinho
Direção de Arte: Daniel Lemos, Silvia Mota e Valéria Dalla Corte
Planejamento: Calvin Pontel Wallau e Marlene Martinez
Arte-Final: Christian Vieira
Head de Performance: Gabriel Fuscaldo
Performance: Bruno Milão
Desenvolvedor: Willian Oliveira
Produção: Carla Bildhauer e Robson Albuquerque
Mídia: Irenita Boff e Dulce Weiss
Aprovação (Cliente): Ernani Polo, André Machado e Alexandre Farina